13 de fev de 2009

PARTE 1 - PREPARATIVOS DO MOCHILÃO PELA FRANÇA

Olá!

Terei trinta dias de férias e utilizarei todos eles nesse mochilão. O mês será agosto e setembro. Pude tirar da metade de agosto para frente, o que é muito bom porque é final de temporada na Europa e sinal de preços mais em conta, inclusive para compra de passagem aérea aqui, no Brasil.

Uma coisa que pode lhe ajudar a organizar seu primeiro mochilão é ter um objetivo.

Já decidi o que quero fazer pela França: visitarei diversas cidades e locais por onde passaram os aliados na SEGUNDA GUERRA MUNDIAL – O que acham? Bom, eu gosto dessas coisas. Procure seu objetivo. Este será o meu apenas como explanação. Se bem que tenho planos de fazer isso o quanto antes, mas por todos os locais onde aconteceram as duas grandes guerras.

Primeiro, tenho que saber um pouco sobre aquilo que gosto. Então vou pesquisar em diversos lugares (internet, principalmente) sobre a chegada dos aliados na Europa, Dia D, Invasão da Normandia, campos de concentração, cidades dominadas pelos alemães durante a guerra, museus de guerra, locais onde ainda há trincheiras, armas, ler revistas de história, vídeos do you tube, metacafé, monografias, assistir filmes...enfim, tudo o que eu puder pegar de informação para eu não passar por um buraco que seja (fox hole), sem saber que ali alguns soldados estadunidenses e ingleses se protegeram durante o ataque a determinada cidade francesa em 13 de junho de 1944.

Se você não sabe inglês, pesquise em páginas em português e depois em algumas em inglês, francês, que você colocará para a página de busca traduzir. Pesquiso também roteiros de agências de viagem, porque sempre tem o mais popular por lá e isso também é interessante. Meu roteiro é aberto, apesar de estar focando em um objetivo. Se tiver coisas interessantes no caminho, saio da minha rota.
Depois vou pesquisar em guias de viagem mais detalhes sobre as cidades que me interessarem. E, na minha opinião, guia com fotografias é muito bonito, mas não tão útil como aqueles onde só tem informação. Vá a uma livraria e estude os guias com carinho. Depois de examiná-los bem, veja se um deles possui dados suficientes que lhe interessem. Ele não será barato, mas será utilíssimo.

Aí, eu compro um mapa do país, bem detalhado. Pode ser daqueles grandes que você tem que abrir no chão, ou daqueles que são repartidos em regiões, em forma de caderno. É uma boa comprar daqueles com diversos pontos de interesse identificados. E, claro, quando você chegar na cidade, o Centro de Informações Turísticas certamente terá um mapinha super detalhado para você utilizar. Mas lembre-se de que você deve estudar tudo antes para selecionar bem o que verá em seus 30 dias de mochilada.

Então, vou traçar meu roteiro.....



V for Verônica

2 comentários:

  1. Olá, Verônica! Quero agradecer pelo livro!Foi inspirador e instrutivo! E agora falta uma semana para eu me lançar na minha aventura de trinta dias também! Frio na barriga..rsrs

    ResponderExcluir
  2. Oi, Verônica, há tanto tempo eu planejo uma viagem. Sinto que está chegando a hora e o meu destino é a França mesmo. Vou para aprender a língua e conhecer o país. Estou me organizando para ir e seu post só me deu mais coragem, já que vou só.

    ResponderExcluir